A batata vai assar malandro!

A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!
A batata vai assar malandro!

Um amigo meu já havia comentado “cara, são guerrilheiros... a pira é tomar a cidade!”

Dae comecei a reparar. Eles aparecem de um dia para o outro, estão à espreita, camuflados com roupas de combatentes...

Não fui até o nascedouro da coisa, vi por foto. Mas pesquei qual o plano com um informante.

Ao que parece é uma revolta. As forças da natureza se mobilizaram contra a maior empresa de fast-food do mundo. Milhares de batatas assassinadas todos os dias, consumidas sem o menor escrúpulo. Absurdo!

O Plano era lançar um agente em missão de paz... paz armada. Do tipo guerra pela paz.

Bay Croc! O antiherói das ruas.

Dae achei du caralho(com o perdão da palavra, aos que se sentiram ofendidos). Uma batata espiã, correndo os becos da cidade, andando rente aos muros, tipo ninja.

Nas palavras do informante, Caio Augusto Bill(ele me autorizou a divulgação do nome), o objetivo do Bay Croc é estudar os humanos, tentar se infiltrar e concientizar. É um último apelo da natureza para equilibrar o apetite por destruição.

A coisa toda começou em Curitiba e está se espalhando...

Não tem, malandro! Se bobiar ele tá do teu lado sem você nem perceber. Observando. Passando pela sua cabeça, sutil.

Um pouco desengonçado, já que é uma batata em aprendizado, estudando cada movimento. Atrapalhada e “atrapalhando” a rotina.

Um ser do submundo, subproduto do consumo descontrolado. Bay Croc é culpa do sistema e uma resposta, como uma anti-catastrofe natural.

Se dá B.O. ela some. Não sabe de nada. Só mais uma batata na rua chamando a atenção.

Algumas fotos cedidas pelo informante ficarão em exposição no site, para fixar bem. Como não gosto de MacDonalds, estou pensando em armar uma operação apoio. Mas isso corre na surda.

Material em poder do informate Caio Augusto Bill.

Bay Croc #326 entrando em cena.

Alguns relatos sobre o caso:
Relato 1
Relato 2

E aqui, para baixar, um documentário sobre Grafite em Curitiba

Não sabe onde ir hoje?

Rua Treze de Maio, 629 Largo da Ordem
Curitiba , PR

Teatro Lala Schneider

O Teatro Lala Schneider  é conhecido por seus espetáculos sempre lotados e também pelo curso de artes cênicas, que já revelou grandes nomes da cena nacional. O local é de iniciativa privada e foi fundado em 1994 pelo...
(41) 3232-4499
Avaliação:
Total de votos: 4506